quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Forcados ponderam apresentação de queixa contra hospital de Évora

O grupo de Forcados Amadores de Monsaraz está a ponderar apresentar uma queixa contra o Hospital Espírito Santo, em Évora, por alegado atraso no socorro a um forcado ferido no passado sábado, segundo fonte desta associação.

O acidente ocorreu sábado, durante uma corrida na Praça de Touros da Amieira, em Portel, tendo ficado ferido o forcado Armando Martins, pertencente aos Forcados Amadores de Monsaraz, segundo um elemento deste grupo.

David Rodrigues, responsável por este grupo de forcados, disse à agência Lusa que o forcado ficou ferido numa perna e que foi transportado pelos Bombeiros de Portel.

Ao chegar ao Hospital Espírito Santo de Évora, o forcado já tinha à sua espera a namorada e o pai desta, o qual terá denunciado numa rede social a alegada falta de um pronto atendimento por parte de um ortopedista de serviço.

David Rodrigues não testemunhou estes primeiros momentos no hospital, mas contou à agência Lusa que segunda-feira, quando visitou o amigo, ouviu um médico dizer-lhe que, apesar da cirurgia ter corrido bem, este ainda corria o risco de ser amputado por não ter sido operado mais cedo.

Perante estes acontecimentos, e enquanto membro da Associação Nacional de Forcados, o grupo de Forcados Amadores de Monsaraz está a ponderar apresentar uma queixa contra este atendimento.

Contactada pela Lusa, fonte do hospital disse que, até ao momento, não foi apresentada qualquer queixa ou reclamação com este teor.

Após ter tido conhecimento do caso pela comunicação social, o hospital decidiu que vai "analisar a situação", disse à agência Lusa a mesma fonte.

Texto: Lusa

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...