sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Chafariz d'el Rei




A construção desta fonte  e chafariz público, remota à época de D. Manuel, que o mandou construir quando na cidade estagiava ou à Câmara de 1497, em homenagem ao rei Venturoso. A lápide de mármore, ostentando a Cruz de Cristo e legenda latina, cronografada com bordadura carregada  de dez castelos, está colocada ao merlão central, de grande porte. Sotoposta, em pedra lavrada, existem as armas de Portugal segundo a interpretação arcaica, constituidas por cinco escudetes dispostos em cruz  Robusto muro em alvenaria, de cunhais graniticos, é terminado por cortina de ameias do tipo chanfrado, de perfis muito aguçados. O tanque de granito escuro e carcomido, muito baixo e de planta sensivelmente rectangular, esteve protegido em tempos, por vários malhões circulares, do tipo rustico, que servia para amarrar os quadrupedes dos viajantes.

Com a escritura composta por caracteres romanos e góticos:
EMANUEL - I - R -
P - ET - A - CITRA - E

IN - APHRICA - G - DT - VLTRAMARE -
OMINVS § 1497 - ANVS

que traduzida para português e desdobrando as abreviaturas, se deve interpretar:
MANUEL REI DE PORTUGAL DAQUEM E DALEM MAR EM AFRICA E SENHOR DA GUINÉ ANO 1497.

http://marcoseborenses.no.comunidades.net

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...