quinta-feira, 31 de outubro de 2013

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Expo Origami na Salsa Verde


Expo Origami
Data: até 20 dezembro
Local: Salsa Verde - Rua do Raimundo, n.º 93-A
Horário: 11:00-15:30 | 18:00-21:30 (encerra sábados a partir das 15:00, domingos e feriados)
 
De origem japonesa, a palavra Origami é composta por dois caracteres. O primeiro, ori, deriva do desenho de uma mão e significa dobrar. O segundo, kami, deriva do desenho de seda e significa papel, porém a palavra "kami" também significa Deus e Espírito. Actualmente, o origami já conquistou o status de arte, na categoria de escultura contemporânea, e é reconhecido mundialmente. Muitos artistas famosos utilizaram a técnica do origami para criar suas obras: Lygia Clark, Eric Joisel, Issey Miyake, Robert J. Lang, Chris K. Palmer entre outros. Dos modelos mais simples aos mais complexos, dos maiores aos mais pequenos, dos mais abstractos aos mais realistas, esta exposição pretende desvendar um pouco do fantástico universo das dobras de papel.

Organização: João Charrua
Apoios: Salsa Verde - Restaurante Vegetariano | Cazulo Designers | Oficina da Impressão | Arquitecturas Paralelas
Contacto: 963064271 | joaocharrua@gmail.com
Inf. Extra: Entrada livre

terça-feira, 29 de outubro de 2013

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Carminho na Arena d'Évora


Nasceu Carmo Rebelo de Andrade, em Lisboa, filha da fadista Teresa Siqueira. Os seus pais organizavam tertúlias de fado e em casa ouvia discos de Lucília do Carmo, de Fernando Maurício, de Amália Rodrigues...
Em Lisboa, estreou-se a cantar em público aos doze anos, no Coliseu. Começou então a cantar regularmente na Taverna do Embuçado, em Alfama, onde teve como mestres, para além da sua mãe, Beatriz da Conceição, Fernanda Maria, Alcindo Carvalho, Paquito, Fontes Rocha, memórias vivas da verdadeira essência do fado.
Concluído o curso universitário e começando a perceber que boa parte da sua vida teria de passar pelo fado, viaja pelo mundo durante um ano, participando em missões humanitárias na Índia, Camboja, Peru e Timor.
Regressada a Lisboa, começa a cantar regularmente no restaurante Mesa de Frades. Rapidamente começa a receber solicitações para os grandes palcos nacionais (Casa da Música) e internacionais (Expo Saragoça, Argentina, Suíça, Malta e Tailândia), destacando-se ainda a sua participação no multigalardoado filme «Fados» de Carlos Saura.
Em 2009 editou o seu primeiro álbum «Fado» considerado «a maior revelação do fado da última década» (Time Out, 27 de Maio de 2009), alcançando rapidamente o galardão de ouro e dando início a uma digressão que cumpriu sessenta datas em palcos nacionais e espanhóis, sendo nomeado pela conceituada revista britânica Songlines como um dos dez “Best Album 2011”.
Vista como um símbolo da sua geração, tornou-se, em 2011, a Embaixadora portuguesa do programa “Youth on the Move”, a convite da Comissão Europeia.
2011 é também o ano de um arranque seguro de uma carreira internacional que a leva ao palco principal da Womex (World Music Expo), na Dinamarca, e a vários espetáculos no Reino Unido, França (Théâtre de la Ville), Holanda, Moçambique e Espanha.
Com ‘Perdoname’, com Pablo Alborán, Carminho torna-se na primeira artista portuguesa a atingir o número 1 do top espanhol.
Lançou em 2012 o seu segundo álbum, “ALMA”, que estreou em primeiro lugar nos tops de venda portugueses e alcançou lugares de destaque em vários tops internacionais.
Já no final de 2012, após cumprir mais de noventa datas em Portugal e no estrangeiro, Carminho realiza um sonho de sempre e grava com Milton Nascimento, Chico Buarque e Nana Caymmi, resultando numa reedição de “Alma” com os três novos temas.
O ano de 2013 tem sido o ano da consagração de Carminho no Brasil, confirmada pela surpreendente atuação na abertura do Carnaval de Recife e concertos esgotados no Rio de Janeiro e um pouco por todo o país. Mas tem sido também o ano de uma digressão internacional que tem permitido levar a sua voz a países como Israel, Letónia, Alemanha, Luxemburgo, Turquia, Angola, Espanha, Bélgica, Reino Unido, França,…

PREÇOS
Plateia 01-10 25€ a 30€
Plateia 11-20 25€ a 30€
Plateia 21-30 25€ a 30€
Plateia 31-40 25€ a 30€
Nível 1 sector 1 Dir. 20€
Nível 1 sector 1 Esq. 20€
Nível 1 sector 2 Dir. 20€
Nível 1 sector 2 Esq. 20€
Nível 1 sector 3 Dir. 20€
Nível 1 sector 3 Esq. 20€
Nível 1 sector 4 Dir. 20€
Nível 1 sector 4 Esq. 20€
Nível 2 sector 1 Dir. 15€
Nível 2 sector 1 Esq. 15€
Nível 2 sector 2 Dir. 15€
Nível 2 sector 2 Esq. 15€
Nível 2 sector 3 Dir. 15€
Nível 2 sector 3 Esq. 15€
Nível 2 sector 4 Dir. 15€
Nível 2 sector 4 Esq. 15€

domingo, 27 de outubro de 2013

Técnicos de Vendas (M/F) - Évora

A Kelly Services selecciona o melhor Capital Humano para os seus clientes. 

A sua missão será efectuar vendas de produtos/serviços para a maior empresa Portuguesa na área das telecomunicações. 

Perfil: 
- Motivação para Vendas; 
- Empatia; 
- Objectividade; 
- Força de Vontade; 
- Criatividade. 

Horário:
Disponibilidade Total de Horário. 

Condições da Oferta : 
- Remuneração Fixa + Variável superior a 1000€; 
- Contrato de trabalho; 
- Possibilidade de desenvolver a sua carreira numa equipa de excelência. 

Se reúne os requisitos e considera atractivos os valores oferecidos envie o seu CV para


com a referência "Vendas Évora" 

Precisa-se de medicos Dentistas para Clinica Dentária em Évora

Precisa-se de medicos Dentistas para Clinica Dentária em Évora, enviar currículo para:

    c.b.agua@mediservicos.pt

sábado, 26 de outubro de 2013

Fundação Inatel: Oficina de Massas Polímeras


Oficina de Massas Polímeras
Data: 26 de outubro e 9 de novembro
Local: Fundação INATEL Agência Évora
Horário: Sábados, das 09:30 às 13:30 (4 horas). Duas sessões.
   
Para todos os interessados em aprofundar o seu conhecimento sobre técnicas artesanais dirigidas à conceção e criação de acessórios pessoais, no âmbito das técnicas a desenvolver.

Organização: Fundação INATEL Agência Évora
Contacto: 266 730 520 | ag.evora@inatel.pt
Web page: http://www.inatel.pt
Inf. Extra: Formadora: Rita Luz Mestre. Sócios INATEL 15€/sessão | Não Sócios 25€/sessão

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Exposição de Novos Associados da 100 Pavor


Exposição de Novos Associados da 100 Pavor
Data: até 23 de novembro
Local: Praça do Sertório, 25
Horário: | 17:00 | Aberta de Segunda a sexta-feira 10:30-19h00 | sábados 14:00-19:00
 
A 100 Pavor apresenta os trabalhos pintura e de escultura dos novos artistas associados da associação - Ana Reis, Joana Silva, Lita Chicau, Rosa Veladas, Susete Bento e Victor Cameirão.

Organização: 100 Pavor - associação de artistas plásticos
Apoios: Câmara Municipal de Évora | Diário do Sul | Delta-Cafés | Fundação Eugénio de Almeida | Diana Litográfica do Alentejo
Contacto: 963 797 760 | geral@100pavor.pt
Inf. Extra: Entrada Livre

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

FIKE - “O Cheiro das Velas” vai ser exibido dia 25 de outubro


“O Cheiro das Velas”, curta-metragem de Adriana Martins da Silva, vai estar em exibição, no próximo dia 26 de Outubro, no International Student Film Festival de Hollywood, Estados Unidos, tornando-se a única representação portuguesa no certame.

O filme, projeto final da escola Restart, é protagonizado pelas atrizes Oceana Basílio e Joana Brandão, que interpretam duas irmãs que se reencontram para o aniversário da mãe. Num poderoso relato sobre a fluidez das fronteiras dos afetos, o cinema de Adriana Martins da Silva privilegia o elemento feminino, com personagens densas e multidimensionais.

A curta-metragem conta já com o 1.º prémio na categoria de Ficção do FARCUME –  Festival de Curtas-Metragens de Faro, obtido no passado mês de Agosto. Na véspera da sua estreia californiana, “O cheiro das velas” será ainda exibido em Évora, a cidade de adoção da realizadora, no âmbito do FIKE – Festival Internacional de Curtas-Metragens, no dia 25 de Outubro, às 21h30.

Postais Antigos - Fonte do Largo das Portas de Moura


terça-feira, 22 de outubro de 2013

Quim Roscas e Zeca Estacionâncio na Arena d'Évora


Teatro │Stand – Up
ARENA D’ÉVORA - 21:30
CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA: Maiores de 6 anos
DURAÇÃO: 90 minutos

Esta dupla humorística conheceu-se em 2000 num episódio sui generis e encetou uma parceria que dura até hoje, com o objetivo de fazer rir Portugal. João Paulo Rodrigues (Quim Roscas) protagonizava um espetáculo de stand up comedy e Pedro Alves (Zeca Estacionâncio) estava na plateia a revelar o final das anedotas antes do tempo, João Paulo convidou Pedro para assumir o seu lugar e ele aceitou. A partir daqui, surge o convite para uma entrevista na Rádio Nova e a integração no programa das manhãs na mesma emissão, onde nasceu a dupla Quim Roscas e Zeca Estacionâncio. No ano seguinte tornaram-se nos humoristas mais requisitados da cidade do Porto, de onde são naturais. E, logo de seguida, a televisão. O programa 123, a convite de Teresa Guilherme foi a primeira aparição, à qual se seguiu a Praça da Alegria, Portugal no Coração, o DVD ao vivo e, finalmente, o programa de autor Telerural, na RTP. Em 2011, a dupla ganhou novo fôlego com a surpreendente participação de João Paulo Rodrigues no programa “A Tua Cara Não Me É Estranha”, que o levou a ser convidado para a apresentação de “Não Há Bela Sem João”, atualmente, na TVI, onde Pedro Alves também participa. Este espetáculo foi sendo montado e alterado na estrada ao longo de 12 anos, em centenas de palcos, num processo criativo e de improviso.

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

"Rocky Horror Picture Show" na Igreja de São Vicente


"Rocky Horror Picture Show"
Data: 22 de outubro
Local: Igreja de São Vicente
Horário: 21:30
 
Uma aventura alienígena originária do planeta Transexual, na galáxia Transilvânia, para espalhar a luxúria e re-inventar a vida… nada será como dantes!

Organização: Colecção B, Associação Cultural
Apoios: Câmara Municipal de Évora | GECE
Contacto: 266 704 236 | colb@escritanapaisagem.net

domingo, 20 de outubro de 2013

"Álbum de Família", de Nelson d'Aires


"Álbum de Família", de Nelson d'Aires
Data: 16 de outubro a 29 de novembro
Local: Igreja de São Vicente
Horário: segunda a sexta-feira 10:00-13:00 | 14:00-19:00
 
Continuando uma série já extensa de colaborações e cumplicidades, a Colecção B acolhe mais uma exposição da Estação Imagem de Mora. Trata-se da exposição da Bolsa Estação Imagem | Mora 2012, atribuída a Nelson d'Aires.

Organização: Colecção B, Associação Cultural | Estação Imagem de Mora
Apoios: Câmara Municipal de Évora | GECE
Contacto: 266 704 236 | colb@escritanapaisagem.net

sábado, 19 de outubro de 2013

Tourada este domingo na Arena d'Évora


Valentina Igoshina no Paço dos Condes de Basto


Concertos de Outono: Valentina Igoshina (piano)
Data: 19 de outubro
Local: Paço dos Condes de Basto
Horário: 18:30
 
Uma das mais emblemáticas pianistas da atualidade, Valentina Igoshina é reconhecida pelas suas extraordinárias interpretações de Chopin. Nasceu em Bryansk, na Rússia e estudou com dois dos mais prestigiados pedagogos do Conservatório de Moscovo: Larissa Dedova e Sergei Dorensky. Em 1993, com apenas 14 anos, venceu o Concurso Internacional de Piano Artur Rubinstein em Bydgoszcz, na Polónia. Participou em diversos concursos internacionais, atuou no filme “The Strange Case of Delphina Potocka - the Mystery of Chopin” e gravou obras de Rachmaninov para o documentário “The Harvest of Sorrow”, ambos do realizador inglês, Tony Palmer.

Organização: Fundação Eugénio de Almeida
Apoios: Concerto cofinanciado pelo FEDER/INALENTEJO
Contacto: 266 748 300 | geral@fea.pt
Inf. Extra: Preço - 6€ Bilhetes à venda no Páteo de São Miguel.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Apresentação do livro "Os filhos de Mussa Mbiki” de José Pinto de Sá


Apresentação do livro "Os filhos de Mussa Mbiki” de José Pinto de Sá
Data: 18 de outubro
Local: Rua Serpa Pinto, 78
Horário: 22:00
 
José Pinto de Sá conversa sobre o seu trabalho do escritor, a pretexto da sua coletânea de contos “Os Filhos de Mussa Mbiki”. José Pinto de Sá, nascido na Beira (Moçambique) em 1948, começou por se dedicar às artes plásticas, mas a recusa em servir no exército colonial levou-o a abandonar os estudos de pintura. Esteve exilado durante sete anos, viajando muito e ganhando a vida das mais diversas formas. Depois do 25 de Abril voltou a Moçambique e arranjou emprego como jornalista. Durante a guerra civil (1975-1992) trabalhou como repórter na imprensa moçambicana e em 1993 tornou-se correspondente do jornal Público, para o qual contribuiu durante doze anos com reportagens, comentários e crónicas. Além de jornalismo, foi escrevendo ficção, fez dramaturgia, produziu guiões para cinema, teatro radiofónico e fotonovelas. Vive atualmente em Nossa Senhora de Machede, a escrever um romance cuja ação decorre no vale do Zambeze, no século XIX. Tem cinco filhos e uma neta, e foi a pensar nela que se decidiu a reunir oito estórias do tempo das guerras no volume “Os Filhos de Mussa Mbiki”, com edições este ano em Portugal e Moçambique. A desintegração da sociedade moçambicana em 37 anos de guerras (a colonial e a civil) é o cenário comum a esta coletânea de “contos exemplares”, como lhes chamou Fernando Dacosta, que escreveu: “Lúcido e acre, este painel fica-nos, pela carga metafórica da sua atmosfera, como um ângulo na moderna ficção africana”.

Organização: Zorra Produções Artísticas
Contacto: 266 746 257 | 964 144 716 | zorra.producoes.arte@gmail.com
Inf. Extra: Entrada Livre (Foto de Alfredo Cunha)

Homem mata mulher a tiro de caçadeira e suicida-se em frente à neta de quatro anos

Um homem matou, esta sexta-feira, a mulher com um tiro de caçadeira e suicidou-se de seguida com a mesma arma, perto de São Miguel de Machede, Évora, revelou fonte da GNR.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora adiantou à Lusa que o homicídio seguido de suicídio ocorreu por volta das 11:00 no lugar de Courelas do Monte da Aldeia, na freguesia de São Miguel de Machede, no concelho de Évora.

O caso ocorreu na residência do casal, na casa dos 60 anos, indicou a fonte da GNR, acrescentando que no local encontrava-se uma criança de quatro anos, que é supostamente neta do homem e da mulher.

A mesma fonte disse desconhecer as razões que levaram o homem a matar a mulher e a suicidar-se de seguida.

No local, estiveram uma ambulância da corporação de bombeiros de Évora, uma Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) e a GNR.

A investigação passou para a alçada da Polícia Judiciária (PJ).

Noticia retirada daqui

domingo, 13 de outubro de 2013

14ª edição do FIDANC - Festival Internacional de Dança Contemporânea



PROGRAMAÇÃO 

14 e 18 OUTUBRO
"CORES EM MOVIMENTO" | OFICINA
Espetáculo seguido de oficina
Local: escola EB1 Br. Almeirim; Associação a Creche
Hora: 10:00 e 14:00
Duração: 30 minutos

RAFAEL LEITÃO (PT)
O espetáculo aborda a influência da cor no comportamento e nos sentimentos do ser humano. Através de uma atividade física participativa as crianças descobrem a relação que existe entre o corpo e a natureza expressiva das cores.


15 e 16 OUTUBRO
"C_VIB" | OFICINA
Espetáculo seguido de oficina 
Local: Museu de Évora
Hora: 10:00 e 14:30 
Duração 30min 
Classificação: Maiores de 6 anos

SIMÃO COSTA (PT)
c_ Vib é uma escultura sonora e musical do artista Simão Costa que explora as propriedades físicas do som. É uma instalação sonora interativa e um instrumento musical apresentado em formato de concerto/performance.
O Movimento transformado em som com coreografia e performance de Yola Pinto e música e difusão sonora de Simão Costa Através das esculturas c_Vib.


16 OUTUBRO
Dança “QUID IURIS” | CONVERSA COM GONÇALO LOBATO
Local: Pátio do INATEL 
Hora: 21:30
Duração: 60min 
Preço: 5€
Classificação: maiores de 12 anos

GONÇALO LOBATO (PT)
Tem como ponto de partida o dilema dos inocentes – de quem é preso mas que está inocente e da restrição da liberdade, que alimentada pelo sonho faz com que esta se torne menos punível.
O sonho e a realidade, dois mundos que estão constantemente presentes e em confronto nos quatro corpos confinados a quatro calabouços, tão particulares na sua própria solidão e que interagem no sonho, apenas.
“Quid Iuris?” A última pergunta que ecoa antes da liberdade sentenciada.


17 OUTUBRO
"ROMEU E JULIETA, ENCONTRO DESENCONTRO" (CENAS)
Local: Museu de Évora
Hora: 21:30  
Duração 50 mn 
Preço: 5€ 
Classificação: maiores 6 anos

BENVINDO FONSECA (PT)
O incognoscível, onde invoco das profundezas da minha alma as visões e memórias que estão para além do visível e do verbal, a dança no seu lado mais lúdico e sensorial, a música de Prokofief, particularmente a obra “Romeu e Julieta”. O mundo enigmático das emoções, que juntou os dois personagens, assim como o amor incompreendido e impendido por terceiros, onde muitos de nós encontramos identificação.
Foi a base e a inspiração para este meu, nosso “Romeu e Julieta”.
Foquei-me na sincronicidade no encontro, no desencontro, no baile, nas famílias antagônicas, na cena do balcão (noite de amor), no desgosto, e no final na cripta,
Apoiei-me em simbolismos para decifrar e ajudar na trama. 
Elementos da natureza (esses bem portugueses), desde paisagens alentejanas ao crepúsculo, a flores, assim como imagens de auroras boreais.
Onde um dos símbolos mais marcantes é a Rosa, e que a sua beleza jamais feneça: “quanto mais a desabrochada rosa se desfolhar sob a ação do tempo, ao menos que a tenra herdeira possa perdurar na sua saudade”.


19 OUTUBRO
"OS SERRENHOS DO CALDEIRÃO, EXERCÍCIOS EM ANTROPOLOGIA FICCIONAL" | CONVERSA COM VERA MANTERO 
Local: Black Box
Hora: 21:30  
Duração: 60 min.
Classificação: Maiores de 12 anos
Preço: 5€ 


VERA MANTERO (PT)
talvez tudo com vozes ao longe, vozes de vidas que já não existem.
Ou sons de pedras. Música de pedra. Feita com pedras. “duas pedras afrontadas parecem indicar a abertura”.
Também podia usar o triângulo (“ferrinhos”), mas só para esfregar as duas peças de metal uma na outra, não para bater. fazer com elas um som soprado, um som de silêncio. e dizer ou cantar algo.
As melodias daqui são muito bonitas e todas de tendência “orientalóide”. parece que são “em eólio”. por serem assim lindas e enleadas. e é frequente encontrar-se um curto estribilho que reza assim: “oh, tão lindo!”. oh, tão lindo. oh. tão lindo. oh tão lindo.
Há gente assim, que se sabe espantar com a beleza.
Podia talvez fazer uma montagem com vários “oh, tão lindo!” juntos e misturados.
Como a sequência de beijos na boca no fim do Cinema Paraíso.
muitas das músicas são religiosas mas curiosamente “enxertadas” em ritmos quase dançantes.
Religião transe. repetição hipnótica. E há também o caso de as músicas na Cortelha começarem todas com um ou no máximo dois acordes no acordeão. “estes artefactos de pedra colocam importantes questões crono-culturais”.

sábado, 12 de outubro de 2013

Concerto "Javier Alcántara ArTrio" na Casa da Zorra


Concerto Javier Alcántara ArTrio (jazz)
Data: 12 de outubro
Local: Casa da Zorra (Rua Serpa Pinto, 78)
Horário: 19:00
 
Músicos: Javier Alcántara (guitarra e composição), André Ferreira (contrabaixo) e André Mota, (bateria). Javier Alcántara é músico, guitarrista, compositor, director artístico, e organizador do Festival Internacional de Jazz de Badajoz e do Seminário Internacional Badejazz. Já tocou, gravou e colaborou com músicos como Arturo Serra, Ari Hoenig, Phil Abraham, Hugo Alves, Hugo Antunes, Mario Raja, Claudio Corvini, Marco Tamborín, Alexis Cuadrado, Pedro Cortejosa, Perico Sambeat, Bruno Pedroso, Nelson Cascais, e Demian Cabaud em diferentes projectos.

Organização: Zorra Produções Artísticas
Contacto: 964 144 716 | zorra.producoes.arte@gmail.com
Web page: http://zorraproducoesartisticas.weebly.com

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

“1325” pelo Peripécia Teatro


“1325”
pelo Peripécia Teatro (Vila Real)
Data: 11 de outubro
Local: Teatro Municipal Garcia de Resende (Pç. Joaquim Ant.º d’Aguiar)
Horário: 15:00 (grupos escolares) | 21:30 (público em geral)
 
Espetáculo construído a partir do livro “1325 mujeres tejiendo la paz”, centrado no papel de algumas das mulheres que se destacaram como ativistas e defensoras dos direitos humanos. Três avós vivem “num espaço habitado por roupa e memórias: roupas penduradas, memórias guardadas, roupas em fardos, memórias a monte, roupas coloridas, trágicas memórias”. Ao longo dos 75 minutos do espetáculo, elas vão conduzindo o público pelo universo da mulher e da sua relação com a paz, narrando várias histórias centradas “no ativismo de uma mulher ou conjunto de mulheres”, emergindo personagens como Rosa Parks, Aung San Suu Kyi, Aminetu Haidar, Wangari Maathai ou Graça Machel.

Organização: CENDREV (no âmbito do projecto “CULTURBE – Braga, Coimbra e Évora”)
Apoios: INALENTEJO | Câmara Municipal de Évora
Contacto: 266 703 112 | geral@cendrev.com
Inf. Extra: Preço - 3€ (grupos escolares) | Normal: 4€. Funciona o cartão PassaporTeatro estudante e o PassaporTeatro Sénior.

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

“Um dia os réus serão vocês: O julgamento de Álvaro Cunhal”, pela Companhia de Teatro de Almada



“Um dia os réus serão vocês: O julgamento de Álvaro Cunhal”
pela Companhia de Teatro de Almada
Data: 13 de outubro
Local: Teatro Municipal Garcia de Resende (Praça Joaquim António d'Aguiar)
Horário: 18:00
 
No ano em que se comemora o centenário do nascimento de Álvaro Cunhal, a Companhia de Teatro de Almada evoca as vítimas da repressão fascista, levando para o palco a memória dos crimes jamais julgados do Estado Novo. Na convicção de que o teatro é também o lugar onde uma sociedade com memória exorciza os seus fantasmas, convocando-os à desocultação e ao confronto. Álvaro Cunhal e aqueles que deram as suas vidas pela defesa da Liberdade, lutaram para dotar o País de um bem que não tem preço.

Organização: CENDREV - Centro Dramático de Évora
Apoios: Câmara Municipal de Évora
Contacto: 266 703 112 | geral@cendrev.com
Inf. Extra: Preço normal - 4 € (funciona o Passaporteatro Jovem e o Passaporteatro Sénior)

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Câmara reinicia Programa Jogar +



A Câmara Municipal de Évora, através do seu Programa Jogar+ em parceria com 10 instituições do concelho, deu já início a 11 atividades desportivas para o corrente ano letivo.

Este programa destina-se a todas as crianças do 1º ciclo e tem como objetivo proporcionar a atividade desportiva regular de âmbito lúdico recreativo depois do horário escolar.

As atividades têm um custo mensal de 10€ ao qual será acrescido o custo do seguro na 1ª mensalidade (variável consoante a modalidade). As inscrições decorrem no local onde se realizam as atividades, junto da instituição parceira.

Patinagem 
O Horário: 4ª Feira 18h-19h30m e Sábado 10h30m-12h
O Local: Pavilhão Gimnodesportivo da Escola EBI da Malagueira
Parceiro: Grupo Desportivo Diana

Ginástica 
O Horário: 3ª Feira 19h-20h e 5ª Feira 19h-20h
O Local: Pavilhão Gimnodesportivo (Sala Ginástica) da Escola EB2/3 Conde Vilalva 
Parceiro: Associação Juvenil 4ª Dimensão

Ginástica Acrobática 
O Horário: 2ª Feira 17h-18h30m e 4ª Feira 16h30m-18h30m
O Local: Pavilhão Gimnodesportivo dos Salesianos (Sala Ginástica)
Parceiro: Fundação Salesianos

Andebol 
O Horário: 4ª Feira 18h30m -20h00m 
                  Sábados 10h30m -12h00m
O Local: Pavilhão da Escola Secundária André Gouveia (2ª e 4ª feira)
              Pavilhão da Escola Secundária Gabriel Pereira (Sábado)
Parceiro: Évora Andebol Clube

Mini Ténis 
O Horário: 3ª Feira 19h00 -20h00m e Sábado 11h -12h
O Local: Complexo Desportivo do Clube Ténis Évora 
Parceiro: Clube Ténis Évora

Basquetebol 
Núcleo D. Bosco
Clube: Fundação Salesianos
2ª Feira: 17h20-18h20 / 4ª Feira: 17h20-18h20 /Sábado: 11h-12h
O Local: Pavilhão Gimnodesportivo dos Salesianos (Sala Ginástica)

Núcleo André Resende
Clube: G.D.R. André Resende
 2ª Feira: 18:15 – 19:15 / 4ª Feira: 18:15 – 19:15/ Sábado: 11:00 – 12:00
O Local: Pavilhão Gimnodesportivo  da Escola André Resende

Núcleo Conde Vilalva
Clube: Agrupamento de Escolas de Évora nº4
 4ª Feira: 15.00 às 17.00 
O Local: Pavilhão Gimnodesportivo  da Escola Conde Vilalva 

Núcleo Canaviais
Clube: Agrupamento de Escolas de Évora nº4
 2ª Feira: 17.30 às 18.30 / 3ª Feira: 17.30 às 18.30 / 5ª Feira: 17.30 às 18.30 
O Local: Escola 1º Ciclo dos Canaviais
Parceiro: Associação de Basquetebol do Alentejo

Natação 
O Horário: 4ª Feira Turma A 17h45 -18h30m, Turma B 18h30m – 19h15m 
                   Sábado Turma A 09h45 -10h30m, Turma B 10h30m – 11h15m                                 
O Local: Piscina Municipal de Évora 
Parceiro: AMINATA – Évora Clube de Natação

Nota: Terão prioridade os utentes que frequentam uma escola de 1º Ciclo das Freguesias Rurais, ou utentes que façam prova de Ação escolar Escalão A ou B e beneficiários do RSI.

Badminton 
O Horário: 3ª Feira 18h00 -19h00m e 5ª feira 18h -19h
O Local: Pavilhão Gimnodesportivo da Escola EBI da Malagueira
Parceiro: Clube Badminton Évora 

Notícia retirada daqui

  -   
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...