sábado, 4 de junho de 2011

“Uma Vida, Uma Árvore” na Maternidade do Hospital

O Presidente da Câmara Municipal de Évora, José Ernesto d’ Oliveira, acompanhado pela Vereadora Cláudia Sousa Pereira e por técnicas camarárias, esteve esta semana (1 de Junho) na Maternidade do Hospital do Espírito Santo para formalizar a parceria do projecto “Uma Vida, Uma Árvore”, tendo a delegação sido recebida pela Presidente do Conselho de Administração, Filomena Mendes, e pelo Director do Serviço de Ginecologia e Obstetrícia, Vítor Caeiro.

“Uma Vida, Uma Árvore” consiste na plantação pela Câmara de uma árvore por cada criança nascida de pais residentes no concelho, entregando aos pais do recém-nascido um diploma e um mapa de localização que confirmam a atribuição da sua árvore.

Os pais que quiserem que o seu filho tenha uma árvore em Évora podem inscrever-se preenchendo um formulário que está disponível nos serviços administrativos da Maternidade, de acordo com a parceria estabelecida entre estas duas entidades e que se irá também alargar às Unidades de Saúde Familiar. Pode ainda inscrever-se no Gabinete de Atendimento da Câmara Municipal, no edifício dos Paços do Concelho.

O Presidente da Câmara Municipal explicou em traços breves o projecto e expressou a sua satisfação pela boa aceitação que tem tido por parte da população, tendo sido já plantadas cerca de 2.000 árvores ao abrigo deste programa, agradecendo ao hospital a sua colaboração.

Também o Director do Serviço saudou esta ideia, revelando que só nos primeiros cinco meses deste ano já nasceram cerca de meia centena de crianças no hospital, pelo que este vai ser um ano de reflorestação forte, fazendo votos para que estes números continuem a progredir.

A Presidente do Conselho de Administração expressou igualmente a sua satisfação por poder acolher este projecto na maternidade, sublinhando a importância que tem para o Alentejo, tanto o nascimento de mais crianças como a existência de mais árvores, algo que este projecto conjuga harmoniosamente. Felicitou a autarquia pela concretização do projecto e manifestou o empenho do hospital em continuar a colaborar, indicando que a maternidade eborense é responsável por 40% dos nascimentos no Alentejo Central.

Este projecto foi concebido pela Câmara para saudar o nascimento de crianças no Concelho, num contexto de envelhecimento populacional e, alertando os cidadãos para a importância dos espaços verdes como meio de garantir um espaço urbano salubre e saudável. Com ele, pretende-se felicitar as famílias em momento de celebração de nascimento dos seus filhos e sensibilizá-las para o valor das árvores e espaços verdes em meio urbano, para que se apropriem, usufruam e promovam o respeito pelos espaços verdes de proximidade.


A felicitação aos pais pelo nascimento do seu(ua) filho(a) é feita na altura de adesão ao projecto, com um postal. É atribuída, a cada criança nada inscrita no projecto, uma árvore plantada no Concelho, privilegiando, sempre que possível, a proximidade à sua freguesia de residência. Para cada árvore atribuída é concebido um mapa de localização identificando a espécie plantada e a criança a quem fica atribuída a referida árvore. O processo de mapeamento e indexação da árvore atribuída será optimizado informaticamente com aplicação directa em Sistema de Informação Geográfica.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...